MENSAGEM DO PREFEITO

O Agro conectado integra, mas também desafia

A previsão da Organização das Nações Unidas (ONU), em estudo de 2015, apontando que o Brasil se tornaria o ‘celeiro do mundo’ em 2022, com produção estimada em mais de 220 milhões de toneladas de grãos, já foi ultrapassada. A terra fértil, tão generosa em produtividade, explica apenas em parte esse resultado antecipado. Práticas modernas de manejo, plantio de variedades cada vez mais precoce e menos exigentes em tratos culturais, como aplicação de herbicidas, e uso de tecnologias modernas em todas as fases da produção, são fatores que reforçam o desempenho fantástico da agricultura brasileira nas últimas décadas.

Mas variável fundamental está no profissionalismo do produtor rural. O esforço para superar adversidades, entre elas a falta de uma política agrícola capaz de garantir horizontes mais tranquilos ao empresário do campo, tem sido fundamental para o setor sustentar o vigor do Produto Interno Bruto (PIB). Adversidades climáticas, oscilações de preço no mercado internacional, barreiras tarifárias e sanitárias, dificuldades de logística por conta da precariedade de rodovias, modal de transporte excessivamente dependente de estradas, entre tantos outros problemas, sublinham a competência do agricultor e sua capacidade de superação.

Nesse cenário de desafios, reforçado por transformações climáticas que causam apreensão e impõem uso cada vez mais intensivo de tecnologias, o produtor precisa conectar-se não apenas com novas e modernas práticas agrícolas, mas com um novo modelo de gestão, mais refinado em exigências técnicas. O produtor precisa estar atento a sustentabilidade, tema cada vez mais recorrente no campo, e aos princípios de preservação do meio ambiente, que se liga a tecnologias e sua aplicação na agricultura. Produzir e preservar: senha do futuro. O círculo virtuoso que conecta tudo isso integra e desafia.

Portanto, muito oportuno o tema da 48ª Expoingá, que propõe conexão na agricultura como elemento representativo do conjunto de mudanças que potencializam transformações profundas no campo. O ambiente cada vez mais desafiador apenas valoriza a competência e profissionalismo do produtor e de toda a cadeia produtiva do agronegócio, que se mostra na feira em sua melhor forma. Vitrine moderna e sempre atualizada na exibição de tecnologias e fomento de negócios, a Expoingá se redesenha a cada ano para continuar como referência fundamental de um segmento econômico de importância vital para o Brasil.

Ulisses Maia
Prefeito de Maringá